Pedro Mann

Voz, violão e orquestras: Pedro Mann lança “Salineiras”

Em seu terceiro disco de estúdio, com direito a produção de Rodrigo Vidal. Desta vez, a mescla de canções intimistas em voz e violão, além da orquestração de cordas e sopros

A palavra da vez é maturidade. Em 2013, o cantor e compositor carioca estreava “O mundo mora logo ali” e em 2016, “Cidade Copacabana”. O lançamento de “Salineiras” tem tom revelador, Pedro Mann decidiu retornar as suas origens e criar um trabalho com letras de mais entrega e vulnerabilidade, entoadas no ritmo de instrumentos acústicos.

No primeiro disco, gêneros como a Música Popular Brasileira (MPB) e o rock; no segundo, referências eletrônicas e atuais; mas, em seu lançamento, há a composição do folk, de ritmos brasileiros, orquestras de sopro e cordas. O objetivo? “Criar novas texturas até então inéditas em sua sonoridade, aqui fortemente embalada pelo violão”, de acordo com a nota.

Já curte o Minuto Indie no Facebook? Clique aqui!

Sem perder a essência musical, o amor permanece na temática de suas canções. O cantor e compositor traz reflexões sobre os relacionamentos urbanos e modernos, o que torna possível a analogia da palavra que leva o nome do álbum: as idas e vindas das marés. Mann comenta que o disco é muito íntimo e autoral.

8 canções muito pessoais que foram registradas do jeitinho que sempre quis – com cordas, sopros e uma banda maravilhosa. Nunca consegui separar minhas vivências pessoais da minha arte e ‘Salineiras’ vem curando algumas feridas antigas, tem alguma coisa que descansa, que decanta. É também sobre delicadeza, sobre um processo de amadurecimento importante pra mim, uma jornada interna de navegar além pra depois voltar para casa. É necessário tempo para que esse resgate aconteça, essa volta pra dentro de si. Pra saborear o sal é preciso deixar que a água evapore e esperar que o sol seque o mar”, analisa o artista.

A curadoria deste trabalho não conta só com a presença do produtor Rodrigo Vidal, mas de participações especiais de outros renomes da MPB, como Marisa Monte, Maria Gadú e Paulinho da Viola. Já disponível nos principais serviços de streaming de música por meio do selo Pomar, aproveite para ouvir e navegar nas ondas propostas pelo músico e sua recíproca produção.

Ficha técnica

Salineiras foi gravado no estúdio Casa do Mato (RJ) entre janeiro e agosto de 2019. Produzido, gravado e mixado por Rodrigo Vidal.

Gravações adicionais: Ronaldo Lima. Assistente de gravação: Erik Valentim

Banda

Pedro Mann: Voz e baixo elétrico
Ricardo Rito: Teclado
Pedro Silveira: Guitarra e violão de aço
Carlos Sales: Bateria
Joana Queiroz: Clarinete
Antonio Guerra: arranjo e regência de cordas*
Quarteto Atlas: Cordas
Violão: Ricardo Amado Da Silva
Violino: Carlos Roberto Mendes
Viola: José Ricardo Vöelker Taboada
Violoncelo: Pablo de Sá
Gilson Santos:  Trompete
Yuri Villar: Sax tenor
Jonas Hocherman: Trombone
Fernando Caneca: Violão Tenor
Marcelo Cebukin: Flauta
Tiago Didac: Percussão
Pablo de Sá: Violoncelo
Aline Gonçalves: Flauta
Luis Barcelos: Bandolim
Aquiles Moraes: Fluegel

Selo: Pomar
Fotos: Fernando Young
Projeto Gráfico: Cubículo

 

MI NO YOUTUBE

Leave a Reply

%d bloggers like this: