Em novo single-clipe, Daniel Tupy faz uma faxina emocional e canta sobre estar ‘Bem’ consigo mesmo

Daniel Tupy Bem

Além de apresentar Daniel Tupy (membro da Marrakesh) como artista solo, ‘Bem’ marca a estreia do selo LogoLogo

A bagunça acumulou. Amanhece, a gente abre as janelas para arejar a casa, e já começa a programar todas as tarefas que precisam ser cumpridas em um tempo determinado. Arrumar a cama, lavar e guardar as louças, tirar o lixo para fora, por toda a bagunça de volta no lugar. É normal que a gente pense no cuidado com a casa como algo importante, desde uma pequena limpeza até uma faxina completa, mas a realidade é outra quando a “casa” em alusão é a nossa própria mente. Até que, um dia, a gente acorda e decide abrir as janelas da alma para começar uma limpeza interna. A vida ensina que esse processo é longo, mas necessário, e é inspirado nele que Daniel Tupy escreveu seu mais novo single, ‘Bem‘.

Capa do single ‘Bem’, de Daniel Tupy

O lançamento desta sexta-feira (18) é um passo importante na trajetória de Daniel Tupy como artista. A jornada começa em 2018, com sua entrada na banda curitibana Marrakesh. Desde então, o contato com os palcos e o público foi incentivo suficiente para que ele voltasse a se permitir mais na música… e na vida também. Assim, Tupy voltou a compor, criou muito com a banda, mas não parou por aí. Agora, em 2020, se sente pronto o bastante para apresentar ao mundo sua face como artista solo.

A faixa ‘Bem‘ é uma prévia do EP de estreia homônimo, que deve ser lançado em outubro de 2020. Logo de cara, Tupy entrega seus sentimentos em um desabafo pessoal de quem segue aprendendo a se responsabilizar pelas próprias emoções e se desintoxicar do que só existe para nos afastar de nós mesmos. As outras três faixas do EP seguem essa mesma linha intimista e reflexiva, e também são frutos do processo de experimentação do artista, que misturou elementos da MPB, do alternativo e do trip hop para esculpir uma obra com uma sonoridade envolvente de pop soturno.

“A letra é muito significativa para mim, sinto que nela consigo expressar sobre como estava vivendo e como eu estava me relacionando. Eu precisava parar de fingir que estava bem para os outros e realmente estar bem comigo mesmo” – Daniel Tupy

Graças a Thomas Berti (Marrakesh), a reflexão presente em ‘Bem‘ foi ilustrada em um clipe tão intimista quanto a música merecia. Os registros de cenas cotidianas — simples, mas significativos — reforçam a ideia de faxina emocional, limpeza interna e a necessidade de se libertar, se conhecer, desacelerar e viver sem tanta pressão. A faixa foi escrita e produzida por Daniel Tupy, com pós-produção e mixagem de Thiago Fernandes (ROSABEGE) e masterização de Pedro Soares (RROOMM.CO).

O EP, que estará entre nós logo, logo, foi produzido durante a quarentena, respeitando todas as medidas de isolamento social necessárias. Para fazer essa obra acontecer, Tupy tentou seguir a essência que ele mesmo passa nas letras. Assim, apesar do distanciamento forçado pela pandemia, foi um processo saudável e sem pressa, com o apoio e participação de artistas como Vitor Milagres (ROSABEGE).

A estreia de Daniel Tupy como artista solo também marca a estreia do LogoLogo — um selo de música independente que tem como premissa a valorização da qualidade estética e artística, não somente a musical —, orientado pelo próprio Tupy, Leonardo Migdaleski e Thomas Berti.

Confira ‘Bem’, o single-clipe de Daniel Tupy

Escute o single no Spotify

ou em outras plataformas digitais, clicando aqui.

Letra:

Nada vai mudar meu jeito é como é
Tiro no meu pé
Não é tão calma assim
O que tem de ruim?
Só foi mais um fim

Eu aguento se um tentar me acalmar
Fugir pra cá
Sem perceber que não é você
Ligo a tv

Bem, some logo
Bem, limpei com cloro
Bem, como eu demoro
Bem, bem, bem

Bem, não tem saída
Bem, uma desgraça
Bem, tô aqui ainda
Bem, bem, bem

Eu não tenho medo quando venho te falar
Nada vale a pena
Só não vem me visitar

Disfarça a onda cada gesto vem te acusar
Não tem volta mesmo ainda mais se tu forçar

Ficha técnica:

Composição e produção: Daniel Tupy;
Pós-Produção e mixagem: Thiago Fernandes;
Masterização: Pedro Soares;
Fotografia: Késsia Riany;
Design gráfico: Késsia Riany & Thomas Berti;
Direção do clipe: Thomas Berti.

Siga Daniel Tupy: Instagram
 

Siga o LogoLogo: InstagramBandcampSoundcloud

Mais notícias no Minuto Indie. Curta nossa página no Facebook. Siga-nos no Instagram.

Deixe uma resposta