Noel Gallagher está ficando surdo

Há anos com zumbido no ouvido, Noel Gallagher está ficando surdo

O ex-Oasis contou, em entrevista, que seus problemas de audição só pioraram com o tempo

Quem já sofreu com a dor de ouvido sabe o quanto ela é insuportável. Mais sério ainda é o zumbido, uma condição caracterizada pelo barulho constante no canal auditivo ou na cabeça, sem nenhuma fonte externa. Na maioria das vezes, essa sensação é causada pela exposição a sons altos e pode ser um sinal da perda gradativa da audição. E foi isso que aconteceu com o mais velho dos irmãos Oasis. Noel Gallagher está ficando surdo, anos após ser diagnosticado com zumbido.

Em entrevista ao jornal britânico Daily Star, reproduzida pela revista portuguesa Blitz, o músico contou que seu sentido está cada vez mais danificado. Como ele mesmo disse, isso se deve à rotina de seus 20 anos de trajetória, como guitarrista, nos palcos do mundo. “Estou ficando surdo. Gosto de colocar o volume da televisão bem alto. Sempre que minha mulher chega em casa e eu estou vendo televisão, ela me diz: ‘O que está acontecendo? Dá para ouvir a TV lá do meio da rua‘”, relata.

A perda gradativa da audição: Noel Gallagher está ficando surdo

Em 2013, Noel realizou um exame cerebral que o diagnosticou com ‘tinnitus‘, em português ‘zumbido‘. Desde então, ele percebeu o alto risco de perder a audição com o passar do tempo. Na época, mesmo reconhecendo a complexidade da situação, o guitarrista não demonstrou arrependimento por não ter tomado os devidos cuidados e preferiu seguir a linha ‘vivendo perigosamente’. “É o acúmulo de várias coisas, mas eu me diverti fazendo tudo isso. Se eu morrer com um problema no cérebro, valeu a pena“, disse.

Ele também contou que iniciou seu tratamento após ser diagnosticado. “O engraçado é que eles te dão uns headphones, e eu escolhi ouvir música clássica. Fiquei lá por 25 minutos. Foi horrível“, relatou.

Como evitar a perda auditiva

Músicos, cantores, técnicos de som, ou qualquer pessoa que, por algum motivo, se expõem ao alto volume de som ou ruídos, precisam se atentar aos perigos de quando esses hábitos se tornam constantes. Figuras como Chris Martin (Coldplay), Roger Taylor (baterista do Queen) e Pete Townshend (The Who) já declararam serem portadores da mesma condição que Noel. Em shows de rock, por exemplo, é comum que os níveis de ruídos passem do limite máximo permitido de 85dB (decibéis).

Ainda hoje, o zumbido é um transtorno sem cura. No entanto, é amplamente possível preveni-lo com pequenos hábitos mais conscientes. Para além disso, os barulhos de momentos corriqueiros, como no trânsito, também podem causar problemas auditivos. Sendo assim, o conselho é que todo mundo cuide da saúde dos ouvidos para que o sofrimento futuro seja evitado.

O uso de protetores auditivos é essencial e pode evitar muitos desconfortos. Para ter uma ideia, é comum que esses acessórios reduzam o ruído de 20 a 30 dB. Você pode encontrá-los em farmácias e supermercados. É um meio descomplicado de cuidar da saúde auditiva e da sua voz, que também pode ser prejudicada caso você não esteja se ouvindo bem. Nada melhor do que curtir uma boa música e trabalhar sem correr riscos desnecessários, não é?

Clique aqui e adquira seus próprios protetores auditivos!

MI NO YOUTUBE

Mais notícias no Minuto Indie. Curta nossa página no Facebook.

Leave a Reply

%d bloggers like this: