Jova Primeiro Andar

Jova lança clipe intimista de ‘Primeiro Andar’, gravado durante a quarentena

‘Primeiro Andar’ é uma das faixas presentes no EP de estreia de Jova, lançado em junho

Quando escreveu ‘Soneto da Fidelidade‘, Vinicius de Moraes sugeriu que a morte é a angústia de quem vive, e a solidão é o fim de quem ama. Por mais piegas que isso pareça ser, é mesmo natural que a gente se sinta em ruínas, prestes a desmoronar, quando o que era bom deixa de existir e, ao redor, só resta vazio e silêncio. Se tratando de um sentimento tão forte como o amor, que une e conecta duas almas, tudo é ainda mais complexo. Quase nunca é fácil lidar com um rompimento, juntar as coisas e ir embora sem sofrer. O clipe de ‘Primeiro Andar, do cantor e compositor Jova, ilustra, de forma audiovisual, o cenário abatido causado pelo término.

É cultural e, talvez, até inato: somos dependentes de afeto. Precisamos de vínculo, precisamos de amor… mesmo que não permaneça para sempre. “Eu possa me dizer do amor (que tive): que não seja imortal, posto que é chama, mas que seja infinito enquanto dure“, ainda dizia Vinicius. E a história por trás da composição de ‘Primeiro Andar‘ foi assim; chama infinita, mas se apagou.

Na letra da canção, Jova descreve detalhes da partida, do rompimento, do ato de ir embora. Apesar de ter escrito tudo com tanta pessoalidade, a história contada — e cantada — não foi protagonizada por ele. Como dissemos aqui, na matéria sobre seu EP de estreia, ‘Músicas para ouvir perdido na floresta, a canção é inspirada no fim de um longo relacionamento de dois amigos de Jova. Por ter presenciado os anos de união do casal, ele também se sentiu afetado pelo término e decidiu tentar representar, em forma de música, um pouco da angústia que sobrou no fim.

Agora, essa narrativa se prolonga em imagens. O clipe de ‘Primeiro Andar‘ é protagonizado por Júlia Berlin, além do próprio Jova, e coordenado por Higor Cabral, que dirigiu (por Whatsapp, sério!), roteirizou e editou a obra. Em virtude do distanciamento necessário no período da pandemia, o clipe precisou ser todo produzido à distância, cada um em sua casa. Acontece que o útil se uniu ao agradável, e a ideia de gravar em casa, que poderia ser a única opção do momento atual, combinou perfeitamente com a proposta da canção. ‘Primeiro Andar merecia um videoclipe tão intimista e sincero quanto o que recebeu.

Todos os registros foram gravados na vertical, com o objetivo de fazer referência ao uso cotidiano do celular e às lives, que se tornaram tão frequentes, principalmente após o início da quarentena. A ideia faz todo sentido, já que, como mostram pesquisas, nós passamos cerca de 95% do tempo segurando nossos smartphones na posição vertical. Essa realidade faz com que esse formato de filmagem se torne cada vez mais admirado e explorado, diferente de alguns anos atrás, quando vídeos com boa qualidade eram, exclusivamente, vídeos na horizontal.

Além disso, muitas das cenas do clipe foram feitas em formato selfie, para reforçar esse conceito da relação íntima e contínua entre o ser humano e o smartphone. Nesse sentido, enquanto o tempo passa, da monotonia ao movimento, o celular é o principal espectador do indíviduo que o tem nas mãos. A fotografia do clipe de ‘Primeiro Andar‘ é de Josy Antunes, Miguel Leite e Julia Berlin.

A história do clipe pode ser considerada interpretativa, já que, graças à criatividade do diretor, os exatos 03 minutos deixam um enigma final. A personagem passa o tempo se preparando para ir embora e descendo para o Primeiro Andar. Em contrapartida, depois disso, ela aperta o número 8 do elevador, como se estivesse voltando atrás, subindo para o oitavo andar. “O diretor queria simbolizar que o 8 é infinito, que a personagem está se libertando. Ou seja, o 8-infinito é a liberdade para algo. Tem essa coisa lúdica: O que aconteceu? É uma desilusão amorosa?“, revela Jova. 

Assista ao clipe de ‘Primeiro Andar’, de Jova

Ouça o EP ‘Músicas para ouvir perdido na floresta’:

Siga Jova: Instagram

Mais notícias no Minuto Indie. Curta nossa página no Facebook.

Leave a Reply

%d bloggers like this: