Weezer em São Paulo

Weezer em São Paulo: Antes do Rock in Rio, banda deixa fãs em clima nostálgico

Reunindo fãs de longa data, Weezer em São Paulo satisfaz qualquer um que estava precisando de uma noite com clima de celebração aos velhos tempos.

A banda de rock alternativo que estourou nos anos 90 voltou ao Brasil pela segunda vez para fazer parte do grande festival Rock in Rio, tendo participação também no festival Itaipava de Som a Sol em São Paulo, que aconteceu no Ginásio do Ibirapuera na última quinta feira (26) em clima animado e nostálgico. Depois do show do Weezer em São Paulo, os americanos estarão na cidade do rock junto das bandas CPM 22 + Raimundos, Tenacious D e Foo Fighters.

Weezer em São Paulo

Começando pontualmente ás 21:30, apesar da banda já ter se apresentado no país em 2005, no Curitiba Rock Festival, a primeira vez tocando em SP ainda trouxe certa timidez. Mas logo nos primeiros minutos o Weezer já estava completamente a vontade com o público extremamente receptível.

Intercalando entre as 20 músicas que integraram o repertório, o vocalista Rivers Cuomo arriscou simpáticas interações em português durante todo o espetáculo. Dizendo frases como: “Vai galera”, “A gente é um time perfeito” e a clássica “Nós amamos vocês”. O show foi repleto de grandes hits -sendo deles ou não- e visivelmente estavam atingindo as expectativas de seus fãs de longa data. Todos acompanhavam e cantavam calorosamente em todas as músicas.

Com 25 anos de carreira, os veteranos tem muito material para selecionar e incluir em suas apresentações, o que torna a satisfação total de seu público mais fiel, um tanto quanto difícil. A apresentação que diga-se de passagem, foi bem curta, não deixou espaço para canções menos conhecidas pelo público em geral, deixando aquele gostinho de quero mais para os fãs mais assíduos.

Foto: Bianca Tenório

Setlist dividida entre grandes hits e covers!

Embora a banda tenha treze álbuns de estúdio, sendo um deles exclusivo de covers, a setlist deixou passar em branco a maioria da discografia original da banda. Ficou para o primeiro álbum, Weezer – The Blue Album (1994), o maior destaque. Tudo porque na atual turnê eles estão optando em dar mais espaço aos ótimos e grandiosos covers dos sucessos das últimas décadas, e que estão presentes no Weezer – The Teal Album (2019).

As canções de mais destaque na carreira da banda como: “Holiday”, “Undone“, “My Name Is Jonas”, “Hash Pipe“, “Island in the Sun“ e “Beverly Hills“ foram algumas das que tiveram os refrões mais cantados por todos. Nitidamente quem estava ali só para curtir, acabou se rendendo a interagir e aplaudir com mais empolgação nesses momentos.

Mais hits

Complementando os hits altamente cantados, também foram tocados os bem produzidos covers. Tais músicas que a banda soube incorporar toda a aura alternativa típica do Weezer, mantendo toda a estrutura e originalidade de cada uma delas. As clássicas “Happy Together” do The Turtles, “Take On Me” do A-Ha, “Africa” do Toto (música que deu origem ao projeto repentino de covers), “Paranoid” do Black Sabbath cantada pelo guitarrista, e “Lithium” do Nirvana, animaram ainda mais o seleto público que soube receber a banda de forma tão especial.

Um Bis inusitado

Já chegando ao final da apresentação, os integrantes Rivers Cuomo, Brian Bell, Patrick Wilson Scott Shriner fizeram uma breve a cappella do hit “Buddy Holly”. A música rolou de forma bastante intimista e inusitada, sendo tocada pela segunda vez no repertório nesse formato. Um momento divertido e inesquecível. Para finalizar de vez, a banda levantou os ânimos do Ginásio. o Grupo fez o público cantar com todas as forças os refrões de “Say It Ain’t So“.

O que ficou evidente após a pouquíssima 1 hora e 20 minutos de show, foi que a banda fez uma apresentação focada em divertir e fazer seus fãs celebrarem os velhos tempos junto deles. O Weezer em SP reproduziu no show toda a essência alternativa da banda desde quando eram eles as novidades entre os jovens da época. A velha banda nerd de indie rock mostrou que continua sendo boa fazendo o que ama. Eles continuam usando das mesmas fórmulas, mas ao mesmo tempo ainda arriscam e são eles mesmos.

SETLIST – Weezer em São Paulo:

  1. Buddy Holly
  2. Undone – The Sweater Song
  3. Hash Pipe
  4. My Name Is Jonas
  5. Happy Together (The Turtles cover) + trecho de “Longview” do Green Day
  6. Holiday
  7. Island in the Sun
  8. Perfect Situation
  9. Take On Me (a‐ha cover)
  10. The End of the Game
  11. Surf Wax America
  12. Africa (Toto cover)
  13. The Good Life
  14. El Scorcho
  15. Paranoid (Black Sabbath cover) (cantada por Brian Bell)
  16. Pork and Beans
  17. Beverly Hills
  18. Lithium (Nirvana cover)
    Bis:
  19. Buddy Holly (versão a cappella)
  20. Say It Ain’t So

Weezer em São Paulo

Mais notícias no Minuto Indie.

Deixe uma resposta

Releated

Biltre

Divertido e cheio de malícia, Biltre lança single “Degustar”

Banda retorna com mais um single humorado Na última semana, a banda Biltre lançou o single Degustar, uma música divertida e que faz jus ao colorido e ao indie pop que eles estão acostumados a entregar. Bem-humorada, a canção narra o encontro de duas pessoas numa pista de dança. Já curte o Minuto Indie no Facebook? […]

Bola

Bola, da banda Zimbra, mescla folk e sintetizadores em ‘Barco de Papel’

Artista se lança em carreira solo com single reflexivo Nesta semana de carnaval, o vocalista da banda Zimbra, Bola, lançou um single solo. Intitulado Barco de Papel, trabalho é o primeiro de um projeto paralelo ao grupo, que continua em atividade. A canção é sobre autoconhecimento e foi lançada sob o selo Elevarte Music. Já curte o […]

%d blogueiros gostam disto: