Com incrível repertório, The Adicts hipnotizam fãs em SP

Foto: Dani Amorim

Britânicos deixam fãs maravilhados com mais uma apresentação impecável no Brasil

A banda The Adicts mostrou que não é pra qualquer um ter a longevidade que tem e que mesmo depois de anos, seus shows se mostram cada vez melhores.

Quem já tomava a Cardeal Arcoverde, endereço do Carioca Club em São Paulo desde as primeiras horas da noite da última sexta-feira (08/03), percebia que havia algo diferente no ar.

Uma animação tomava conta dos grandes aglomerações que abarrotavam as entradas dos bares ao redor da casa de show com um público que misturava velhos e novos fãs do The Adicts.

A abertura ficou por conta do excelente show do Excluídos, que mostram a força do punk rock paulistano com seus clássicos KM77 e Eu Não Quero, animando os primeiros fãs que entravam no evento.

Passado das 22h, as cortinas se abrem e mostram uma banda que já inicia seu show de forma explosiva, o Adicts explode papel picado pra todo lado e a capa em forma de asas brilhantes de Monkey colocam abaixo o Carioca Club.

A abertura ficou por conta da clássica Let’s Go! que faz com que todos cantem a plenos pulmões o refrão em uma sintonia entre banda e público absurda.

Papel picado, serpentina e bolhas de sabão

A banda é conhecida por sua irreverencia e pelos artefatos que utilizam em seus shows, seus guarda-chuvas ora luminosos, ora lotado de papel picado e fitas de cetim, dão uma energia visual que enlouquece os fãs da banda.

Estouros de canutos de papel picado marcaram por 4 vezes o show, sempre em momentos cruciais, como o começo do show, marcações de música e o fim glorioso do espetáculo.

Bolhas de sabão também foram lançadas ao público e cartas foram arremessadas por Monkey durante Joker in the Pack.

O show do The Adicts sempre deixa saudades

Uma apresentação primorosa que trouxe inúmeros clássicos da banda como Chinese Takeaway, Easy Way Out, Tango, Just Like Me, Who Spilt My Beer? e Numbers não deixa ninguém insatisfeito.

E notório como um personagem como o Monkey consegue se aproximar do público com tanta facilidade e seu carisma anima até quem já não é mais tão acostumado a ir a shows.

Uma banda que impressiona até os contratantes, já que um dos produtores do evento publicou em suas redes sociais o quando a banda se mostra preocupada com todos os detalhes do show e como o vocalista do Adicts é minucioso e cuidadoso com cada adereço e cada peça de figurino com que fará seu show.

O pós carnaval do The Adicts

A banda que fez seu show logo após o carnaval, fez com que seus fãs puxassem em coro o grande hit do carnaval de 2019.

Durante a parada da música Viva La Revolution, enquanto a banda agradecia seus fãs, a casa foi tomada pelo cântico ensurdecedor com seus versos de “Hey bolsonaro, vai tomar no cu!” que contou com a interação de Monkey durante o protesto.

Se existe uma coisa que o punk rock não deixa de lado é a força de suas críticas políticas, e mesmo que algumas bandas não tratem com tanta força esse tema, a pauta está sempre em questão.

A banda terminou seu show a incrível You’ll Never Walk Alone, que fez com todos puxassem o último coro, se abraçando e entoando a canção que mostra o quanto a união leva as pessoas pra frente.

SET LIST

Let’s Go
Joker in the Pack
Horrorshow
And It Was So
Tango
Easy Way Out
Numbers
Troubadour
I Am Yours
Angel
Daydreamers
Fuck It Up
Talking Shit
You’re All Fools
Just Like Me
My Baby Got Run Over by a Steamroller
Crazy
Who Spilt My Beer?
Chinese Takeaway
Bad Boy
Gimme Something to Do
Viva la Revolution
You’ll Never Walk Alone

 

THE ADICTS EM SÃO PAULO

 

Deixe uma resposta