brescia

Resenha: ‘vertigem’, disco de estreia do mineiro brescia

O giro do ouroboros ataca a cena: imergindo na ‘vertigem’ de brescia, o inconsciente se morde avidamente em espiral

Nos últimos anos, as produções musicais na internet vêm ganhando forças avassaladoras de criatividade e avidez. Beats criados em plataformas digitais se alinham a versos súbitos de uma geração que assim como o punk segue fielmente ao slogan “faça você mesmo”, com um quê a mais de “crie, produza, divulgue você mesmo”. É nessa corrente cibernética que surgem artistas que ressignificam dia a dia o sentido do “independente”. Afinal de contas, não se trata mais apenas de indeferir o interesse de gravadoras e do público mainstream. Conheça Brescia.

brescia em show de estreia de ‘vertigem’, na Growleria de Arte, em 11 de julho. Foto: Gabriela fausto.

Autonomia

Os jovens músicos da atualidade levam a produção autônoma ao pé da letra e na ponta dos dedos, sendo responsáveis por todas as etapas de suas criações. Assim caminha o artista mineiro brescia, que já em seu disco de estreia, lançado em 7 de julho, apresenta transgressões sonoras trabalhadas em suas próprias técnicas e versos.

Produtor, MC e rapper, Gabriel Brescia, de apenas 17 anos, trouxe vigor à cena de modo serpentino. Transitando por loops rasgados, as doze faixas do álbum “vertigem” se movem de forma espiral, como uma cobra à caça de uma presa na ventura da escuridão. Em “vertigem”, a presa é seu próprio corpo, destoando carne a dentro à procura de respostas em si mesma.

Capa de ‘vertigem’. Arte: brescia e Lessa Gustavo.

Nas palavras de brescia: “vertigem é resultado da mordida do ouroboros no inconsciente”. O que explica a utilização de ciclos em suas composições. Os instrumentais, versos e técnicas destoam da banalidade musical, abrem-se instigados em suas linhas e terminam no início, acostumados ao olhar noturno turbulento do século da distorção.

Faixa a faixa

A faixa introdutória, “sozinho”, revela o ponto de partida para um processo multifacetado que se desenrola ao longo das próximas canções. “neblina” indica a crista fugaz do semblante ao se dopar com a vertigem, enquanto a música seguinte, “abrigo”, começa a delinear mais a fundo a reação a essa miragem bagunçada.

O tripé que conclui o álbum retoma com cautela a realidade, traçando perspectivas sobre situações inóspitas que colocaram o eu lírico num processo interminável de mordida a si mesmo. O disco resume a reação ao desgaste provocado por essa viagem.

Veja arte

Arte de ‘vertigem’, por brescia e Lessa Gustavo.

Mais sobre Vertigem

“Vertigem” conta com a participação de caqi nas faixas “tonto” e “jogo” – que também recebe o instrumental do artista Lessa Gustavo. Junto ao beat de Gust em “esvaziar” e a técnicas analógicas inseridas por CIANO, as parcerias do álbum colaboram para o todo produzido, mixado e masterizado apenas por brescia, fiel à produção autêntica que segue em suas músicas. Com realização da Gorfinho Records, que também apoia apenas artistas do underground, o disco está disponível no YouTube, SoundCloud e Bandcamp de brescia e receberá versão própria para o spotify.

Confira:

Brescia

 

Confira o último vídeo do canal Minuto Indie.

Mais notícias no Minuto Indie.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Releated

5 BANDAS

MI APRESENTA: ‘5 bandas’ agita a noite carioca aos pés do Corcovado

Minuto Indie apresentou 5 bandas brasileiras no último sábado (12) no Casarão Floresta, no Rio de Janeiro. O festival 5 Bandas já não é novidade para os paulistas. Após duas edições de sucesso em São Paulo, foi a vez do Minuto Indie levar o evento para terras cariocas. Aos pés do Cristo Redentor, o festival […]

Lala Dias

Lala Dias resgata leveza da adolescência com lançamento de seu primeiro clipe

Single ELA fala sobre aceitação e libertação dos padrões da sociedade Cada um sabe a dor e a delícia de ser adolescente! Descobertas, amizades, primeiro amor, sentimentos à flor da pele, novas experiências e o início da busca pelos sonhos. Lala Dias chega para resgatar a leveza da nova geração com o lançamento do seu […]

%d blogueiros gostam disto: