Resenha: GUACHE – “O Que Vem”

E o que também fica depois.

 

A única coisa que a dupla Gil Fortes (IN-SONE, Momo, Chelpa Ferro) e Luciana Melo exigem do seu ouvinte é calma. Apenas isso. Calma para que o seu disco de estreia seja ouvido sem pressas, da mesma forma que foi concebido. O que se ganha em troca é a total imersão no universo cinzento, cru e bastante aconchegante de O Que Vem.

 

Criado pelas vozes uníssonas do duo, texturas eletrônicas suaves e pontuais, distorções e baixo quase onipresente, o Ambient Pop (que em alguns momentos flerta com o Shoegaze) é o guia dessa viagem. Desde os primeiros segundos de “Vento de Areia” até os últimos de “Guache“.

As duas músicas que abrem o disco – não coincidentemente escolhidas como singles – são as mais simples.  Como se o The xx do primeiro registro encontrasse a maturidade, a sobriedade e decidisse experimentar mais.

Seguindo-as temos a faixa-título, que descreve uma relação, uma ansiedade presente no disco (Quero o que vem/ Por ora não sei) e o interlúdio suave e tênue, “Biodinâmica“. Diferente dos ruidosos “Contato” e “Cruzada“.

A identidade visual, em preto e branco, não é à toa. O esqueleto da obra é o melancolismo. Tanto no som, quanto na poesia introspectiva e urbana, que na teoria deveria nos transportar para um Rio de Janeiro de quem é intimo o suficiente para conhecer todas as suas facetas, mas na prática consegue bem mais que isso – nos inserir no universo particular e dual do GUACHE. Resultado da forma em que o disco foi produzido: todo pelos dois, inclusive mixado, dentro de casa. Íntimo, Minimalista. O equilíbrio entre as duas personalidades, duas forças, duas vozes em conjunto, por exemplo, só é possível pelo conhecimento que o casal tem um do outro.

O Que Vem também é um disco que diz tudo com todos os seus elemento. Os intervalos entre os vocais, os interlúdios, os silêncios, tudo minuciosamente inserido em prol de toda a obra. Por isso deve ser ouvido do início ao fim.

E quando chegamos ao fim, é como acordar de um sonho. Ou, mais precisamente falando, é como chegar ao seu destino depois de viajar por horas.

O debute do GUACHE, sendo a maior surpresa do ano até o momento, é uma experiência completa e mais que satisfatória para quem quiser embarcar.

MI no YouTube

Confira o último lançamento do nosso canal no YouTube:

Deixe uma resposta