Grammy: Após afastamento, a ex presidente faz graves acusações contra a Academia

Grammy: Após afastamento, a ex presidente faz graves acusações contra a Academia

A ex presidente do Grammy, Deborah Dugan, acusa a Academia por corrupção e assédio

A pouquíssimos dias do Grammy acontecer, alguns escândalos têm surgido e repercutido na mídia. A ex presidente Deborah Dugan, que foi afastada por má condutada, está acusando a Academia por favoritismos na hora de escolher as indicações e até mesmo sabotagens de alguns artistas, e também de assédio sexual.

Ela teria sido assediada por Joel Katz, membro do conselho legal do Grammy, e ao relatar o acontecido ao RH e ameaçar um processo, Deborah Dugan acabou por ser afastada de seu cargo. Quando a sujeirada aconteceu, o advogado dela disse que aquilo não era nem metade da história.

Segundo a ex presidente, a Academia responsável pela premiação e escolha dos candidatos estaria agindo de má fé e escolhendo seus próprios favoritos, já alguns membros do conselho que escolhem os indicados ao Grammy, representam ou têm relacionamento com artistas indicados; e também manipulam o processo de indicação para garantir que determinadas músicas ou álbuns sejam indicados.

E as acusações não param por ai: na premiação passada, um comitê (secreto) chegou a selecionar artistas que estavam em uma lista inicial para participar da votação da categoria á quais seriam indicados. No final das contas um artista que inicialmente estava classificado na em 18º entre os 20 iniciais da categoria “Canção do ano” de 2019 acabou sendo indicado, fazendo com que Ed Sheeran e Ariana Grande, que haviam recebido votos dos membros da Academia, ficassem de fora. (via G1)

(O boicote é real.)

A Academia se pronunciou a respeito das acusações:

É curioso que a Sra. Dugan nunca deixou claras essas graves alegações até uma semana depois que as queixas legais foram feitas contra ela pessoalmente por uma funcionária que alegou que a Sra. Dugan havia criado um ambiente de trabalho ‘tóxico e intolerável’ e engajado em ‘conduta abusiva e de bullying’. Quando a Sra. Dugan falou sobre seus ‘incômodos’ ao RH, ela especificamente instruiu o RH a ‘não fazer nada’ em resposta.

De qualquer forma, nós imediatamente iniciamos investigações independentes para rever tanto a potencial falha de conduta da Sra. Dugan quanto as subsequentes alegações. Ambas investigações continuam em curso. A Sra. Dugan foi afastada administrativamente apenas depois de oferecer seu posto e demandar 22 milhões de dólares da Academia, que é uma organização sem fins lucrativos. Nossa lealdade sempre será aos 25 mil membros da indústria musical. Nós sentimos muito que a Maior Noite da Música esteja sendo roubada deles devido às ações da Sra. Dugan e estamos trabalhando para resolver esta questão o mais rápido possível.

E os advogados de Deborah Dugan responderam:

Como a queixa prestada hoje claramente alega, a asserção de que a Sra. Dugan não deixou claro seus incômodos antes das acusações fabricadas contra ela é completamente falsa. A Sra. Dugan repetidamente deixou claro seus incômodos durante todo o seu período na Academia, e até deu grandes palestras focadas na diversidade e inclusão em reuniões do Conselho. Mais ainda, não é apenas a Sra. Dugan que deixou claro seus incômodos. Como mostramos na queixa, artistas, outros membros do conselho e empregados deixaram claros virtualmente todos os incômodos mencionados pela Sra. Dugan. Como alegado, a Academia perdeu seu caminho e abandonou a indústria musical, focando ao invés disso em lidar consigo mesma e se fingindo de cega para o ambiente de ‘clube do bolinha’, improbidades óbvias e conflitos de interesse.

Nunca foi a intenção da Sra. Dugan transformar isso em uma briga pública precisamente devido ao seu amor pela música e pelos membros da indústria musical. Infelizmente, ficar em silêncio se tornou impossível devido aos repetidos vazamentos do Conselho e exposições de informações falsas à imprensa.

Finalmente, como alegado na queixa, na manhã do dia em que ela foi afastada, a Academia ofereceu à Sra. Dugan milhões de dólares para deixar tudo isso quieto e deixar a Academia. O Conselho demandou uma resposta em uma hora. Quando a Sra. Dugan se recusou a aceitar, ela foi afastada. A Academia afirmou que a Sra. Dugan foi afastada baseada em acusações feitas contra ela mais de um mês antes e que o Conselho sabe que não têm nenhum mérito. Essa não é uma história crível.

Que a industria musical é um lugar tóxico e manipulador não é segredo algum, não é mesmo?

GRAMMY 2020

A premiação ocorre nesse final de semana (dia 26), com uma lista apresentações muito aguardadas, e aparentemente será um evento bem movimentado. Confira aqui a lista de indicados desse ano.

 

MI NO YOUTUBE

Mais notícias no Minuto Indie. Curta o MI também no Facebook!

Deixe uma resposta

Releated

Harry Styles Falling

Harry Styles fica submerso no vídeo de “Falling”, seu novo single

Canção é o quarto single do disco “Fine Line” O cantor Harry Styles lançou seu novo single Falling nesta sexta feira (28), com mais um excelente videoclipe e diga-se de passagem, bastante emocionante. A música é um dos destaques do seu segundo e elogiado álbum de estúdio, que já emplacou outros grandes hits desde o […]

The Black Keys anuncia turnê

The Black Keys anuncia turnê com grandes nomes, como Gary Clark Jr.

The Black Keys anuncia turnê com grandes nomes pela América do Norte The Black Keys continua na divulgação do álbum Let’s Rock (2019) e anunciou mais uma turnê. Desta vez, os americanos se juntam a nomes como Gary Clark Jr., Allah-Las, Jessy Wilson, The Marcus King Band e Yola. A turnê acontecerá na América do Norte, passando por cidades […]

%d blogueiros gostam disto: