Coringa: o diretor Todd Phillips diz que Arthur Fleck talvez não seja o verdadeiro Palhaço do Crime

Coringa: o diretor Todd Phillips diz que Arthur Fleck talvez não seja o verdadeiro Palhaço do Crime

Todd Phillips, diretor de Coringa, resolveu acender uma certa teoria sobre a real identidade do palhaço criminoso 

Depois de muitas aparições e versões diferente, o Coringa finalmente ganhou uma adaptação própria, em que podemos pela primeira vez assistir a uma história de origem desse que é um dos maiores vilões da cultura pop: Na trama, um homem chamado Arthur Fleck se transforma, devido a várias circunstâncias trágicas, no perigoso Palhaço do Crime.

Já curte o Minuto Indie no Facebook? Clique aqui!

“Há muitas maneiras de ver o filme. Arthur pode não ser o Coringa; Esta é apenas uma versão da origem do Coringa. É apenas a versão que esse cara está contando nesta sala em uma instituição mental. Não sei se ele é o narrador mais confiável do mundo, entende?”
Em um ponto o diretor tem razão: a história narrada por Arthur Fleck algumas vezes mostra que o personagem vê a realidade de uma forma totalmente inventada, como seu relacionamento com Sophie, por exemplo.
Alguns fãs questionaram a autenticidade de certos trechos, incluindo a cena em que o personagem é aplaudido em cima de um carro. Pode muito bem ser mais uma das inúmeras ilusões que o personagem cria consigo mesmo, na tentativa de fugir da realidade brutal em que vive.
Bom, Arthur sendo ou não o verdadeiro palhaço criminoso, Todd Phillps tem ponderado produzir uma sequência para o longa bilionário. Coringa estreou no dia 3 de outubro de 2019 e arrecadou 1,074 bilhão USD.

CORINGA – ARTHUR FLECK PODE NÃO SER O VERDADEIRO PALHAÇO DO CRIME

MI NO YOUTUBE

Mais notícias no Minuto Indie. Curta o MI também no Facebook!

Nathalia Oliveira

Nathalia Oliveira

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: