Camurça ressurge em 2020 com rock melódico e novo EP

Camurça ressurge em 2020 com rock melódico e novo EP

Desde março, durante a quarentena, a banda já lançou um EP e um single inéditos; e se coloca como uma das atrações do festival virtual Fique em Casa Com Arte Osasco

Camurça é uma banda originária de São Paulo, com fortes raízes de Fortaleza e que carrega na bagagem o rock brasileiro sentimental e é formada por Enzo Camurça (ator e músico) e Lucas Laranjeira (produtor artístico e guitarrista), que voltou esse ano com um single (No miolo do Oco) e um EP (Nuncacabando) com três faixas que já estavam na gaveta há um tempo, ambos lançados no final de março. O sotaque nordestino do vocalista, Enzo, proporciona um rock charmoso pros ouvidos.

Camurça rock novo EP
À esquerda, Enzo Camurça; à direita, Lucas Laranjeira. Crédito: Montagem (Divulgação e Guto Silva).

Ouça todas as músicas lançadas esse ano no Spotify:

Novo EP da Camurça

As produções todas passeiam por letras densas, muitas vezes tratando de questões filosóficas como a morte, os sentidos da existência humana, amores e enlouquecimento perante à vida. Já as influências sonoras do novo single ultrapassam o rock, e retalham um tecido com tons de pop, música regional e até mesmo o eletrônico. Quem assina as composições é Enzo Camurça. Nas três faixas do EP, entretanto, o guia é o rock. Enzo explica que o lançamento não era esperado para agora, mas teve de ser assim.

“essas músicas conversam com o confronto com o imprevisível que vivemos agora”, destaca Enzo Camurça. Por isso a escolha dos lançamentos durante a quarentena.”

Dentre os planos futuros da banda, lançar outro single inédito, “Cuida”, é um deles. A previsão é ele vir acompanhado de um clipe de animação, com lançamento previsto para junho de 2020. A banda também será uma das atrações do festival virtual Fique em Casa Com Arte Osasco, ainda sem data.

Minuto Indie indica:

Mais notícias você encontra no Minuto Indie. Curta nossa página no Facebook!

Amanda Prado

Amanda Prado

Jornalista que curte música brasileira em níves estratosféricos.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: