Billie Eilish

Billie Eilish crítica revista que alterou suas fotos a deixando careca e seminua

Nylon Alemanha fez a alteração sem o seu consentimento

Billie Eilish vem há um tempo dialogando sobre a sexualização de seu corpo. Nesta quarta-feira (28) a norte-americana, usou sua conta do Instagram para mostrar sua insatisfação com a versão alemã da Nylon. 

Segundo ela, sem contatar sua equipe ou ela mesma, alterou uma foto sua a deixando careca e sem blusa para a capa da edição de setembro. 

A decisão editorial de uma mudança de abordagem foi feita fora do contrato estabelecido entre a cantora e a revista. 

“Que merda é essa? Eu nunca fui procurada pela revista sobre essa capa. Eu não sabia o que estava acontecendo, nem ninguém da minha equipe. Essa não é uma foto real minha, não participei do processo criativo”.

Crítica a idade

Billie continuou questionando, mas dessa vez pela idade dela, e a revista editar uma foto para parecer que uma menina de 17 anos está sem blusa e careca. Em uma versão robotizada da cantora. 

 “Vocês realmente vão publicar uma foto minha sem camiseta, sendo que não é real? Aos 17 anos? E tornar isso uma capa? Mesmo que a foto fosse uma versão robótica de mim, não consenti isso de forma alguma”. 

A revista publicou uma nota explicando sua decisão, dizendo ter tido intenção de honrar Billie. 

“Só queríamos honrar o impacto de Billie e seu trabalho criando esse avatar que é parte de uma série de capas sobre o poder dos artistas no mundo digital. Esse avatar é uma criação em 3D dedicada aos seus feitos e aos efeitos positivos que ela teve no mundo todo, inclusive em nós”

A Nylon americana decidiu distanciar a sua imagem com a da versão alemã dizendo sentir muito sobre o ocorrido e que eles discordam totalmente das decisões editoriais feitas. 

“Nylon América é uma empresa diferente da Nylon Alemanha, e discordamos totalmente da decisão de se apropriar da imagem de Billie Eilish sem o seu consentimento. Nylon America lamenta muito a Billie e seus fãs. Nós amamos Billie e tudo o que ela representa. Sua mensagem para as mulheres jovens é importante e prometemos continuar ajudando a divulgá-la adequadamente”

Após a repercussão, a Nylon Alemanha apagou a publicação com a foto da cantora. 

Billie Eilish e assédio

A contínua tentativa de sexualizarem Billie tem sido assunto de discussão.

Algo que ela mesma se pronúncia e crítica aos 17 anos. 

Billie disse em uma campanha para a Calvin Klein no começo deste ano, que suas escolhas com roupas mais largas tem função das pessoas não saberem o que tem por baixo, e assim não julgarem seu corpo, não falarem sobre ela ser “gostosa” ou não. 

Mas poucos meses depois isso aconteceu, em uma foto com um fã que circulou pelo Twitter, o moletom (sempre largo) da cantora estava um pouco mais aberto, o suficiente para mostrar uma blusa que estava vestido mais justa. 

Os primeiros comentários que surgiram foram para fazer exatamente o que Billie temia: 

Falaram sobre seu corpo. 

Alguns fãs da cantora a defenderam na ocasião mas ainda sim os comentários continuaram assim como a repercussão da foto. 

O fato de uma cantora, ainda adolescente, ter que esconder seu corpo para tentar se defender de sexualizarem seu corpo é preocupante. E ainda sim a mídia e a sociedade continuar tentando fazer isso, é ainda pior.

BILLIE EILISH 

MINUTO INDIE NO YOUTUBE:

Mais notícias no Minuto Indie.

Deixe uma resposta

Releated

Biltre

Divertido e cheio de malícia, Biltre lança single “Degustar”

Banda retorna com mais um single humorado Na última semana, a banda Biltre lançou o single Degustar, uma música divertida e que faz jus ao colorido e ao indie pop que eles estão acostumados a entregar. Bem-humorada, a canção narra o encontro de duas pessoas numa pista de dança. Já curte o Minuto Indie no Facebook? […]

Bola

Bola, da banda Zimbra, mescla folk e sintetizadores em ‘Barco de Papel’

Artista se lança em carreira solo com single reflexivo Nesta semana de carnaval, o vocalista da banda Zimbra, Bola, lançou um single solo. Intitulado Barco de Papel, trabalho é o primeiro de um projeto paralelo ao grupo, que continua em atividade. A canção é sobre autoconhecimento e foi lançada sob o selo Elevarte Music. Já curte o […]

%d blogueiros gostam disto: