Araucana une sons da América do Sul em álbum de estreia

“Espirais em Aquarela” traz recorte sonoro e geográfico da América do Sul

Araucana é um grupo formado por intermédio do músico Maurício Kehrwald. O plano de misturar milongas com diferentes gêneros musicais jamais saiu de suas aspirações e, ao lado do guitarrista Carlos Balbinot, começou a produzir canções.

Juntando-se com Nina Fioreze (voz), Rafael De Boni (acordeon), Lucas Chini (baixo) e Mateus Mussatto (bateria), o conjunto foi construindo um incomum encontro da MPB, groove, rock e trip hop. A banda vem trabalhando a desconstrução musical em suas faixas e enfim lançaram o álbum de estreia. 

“Espirais em Aquarela” conta com nove faixas, sendo cinco em português e quatro em espanhol. O quinteto traz composições embaladas pelo acordeon ao mesmo tempo que flerta com o trip hop. O resultado é um recorte sonoro e geográfico da América do Sul, já que a banda une origens de diversas regiões sul-americanas.

O álbum expressa o experimentalismo e a mescla de influências que o continente americano representa. Além disso, explora o existencialismo e o poder do ser humano na autogestão da mente e suas consequências.

O álbum foi mixado e masterizado por Fabrício Zanco e feito no Noise Áudio, estúdio do Carlos Balbinot, que além de guitarras e programações, também assina a produção musical. A arte gráfica é de Eduardo Possebon Ribeiro. Ele retratou o conceito do disco de forma artística, subjetiva e sinestésica, agregando ao conjunto da obra.

“Espirais em Aquarela” já está disponível em todas as principais plataformas de streaming:

Spotify: https://goo.gl/DRm8Bg

YouTube: https://goo.gl/KvqhNS

Deezer: https://goo.gl/Ad5Z5U

Google Play: https://goo.gl/gtrE7D

Confira:

 Curtiu? Acompanhe Araucana

Facebook: https://goo.gl/k89zvN

Instagram: https://goo.gl/GKf466

Deixe uma resposta